agosto 11, 2011

À médica que devia estar maluca

Estimada Srª Drª que nos atendeu no centro de saúde na segunda-feira,
Devo dizer-lhe que segundo o pediatra do meu filho (o qual muito estimo, levo em consideração e que tenho plena confiança), por uma consulta feita ao telefone e a milhares de kilómetros de distância, conseguiu perceber que o Manel não tinha qualquer otite e que o quadro era apenas viral.
Para tirar as dúvidas fomos ontem às Urgências Pediatricas do Hospital de Cascais, e otites zero. Nem num quanto mais nos dois ouvidos. Com o antibiótico que lhe passou e com a dosagem errada, se as otites existissem (e de modo tão grave como afirmou) ainda tinha de haver vestígios delas, uma vez que o antibiótico a ser tomado assim foi o mesmo que beber água (palavras da pediatra do hospital).
O que ele tem é um quadro viral, um bicharoco que o atacou e o deixou mal disposto, com dirreira e febre.
Para a próxima, quando examinar um bebé de 77 cm e com 10,200Kg, em vez de se preocupar com peso e dizer que ele anda a comer demais e que irá certamente ser obeso devido à largura dos ombros, dedique-se a observá-lo com mais atenção e fazer o diagnóstico correcto.
Eu sei que errar é humano, e que se fosse comigo até lhe perdoava, mas com o meu filho não. Ouviu bem? não lhe perdoo.
Obrigada.

14 comentários:

Nokas disse...

Tou parva!!

Tânia (Mamã do Santiago) disse...

Tu já estavas na duvida e a confirmar-se pior :(

Pepper disse...

É confiar desconfiando.

Close up! disse...

Há cada mau profissional...
Numa área como a saúde devia haver mais controlo...

Só sedas disse...

Muito desagradável. Ainda bem que trocou uma virose por uma otite e não uma dor de barriga por uma apendicite....

É engraçado como perdoamos se for connosco mas quando toca a quem queremos ficamos leoas.

livingbelowtheclouds disse...

ultimamente estas situações andam a ocorrer demasiado, os medicos andam todos doidos?

Ni! disse...

Bolas. Que desagradável...

Isabel disse...

Olá...eu espero que o teu Manel melhore muito, muito rápido...e sim...o meu piratinha sorridente está quase a fazer um ano...parece que foi ontem... beijinhos

Andreia disse...

Oh minha querida... é tão mau. Lamento muito.
Beijinhos e as rápidas melhoras

cuca disse...

Tanita, errar é humano mas os MÉDICOS NÃO PODEM ERRAR! É uma profissão de um enorme risco e de enorme responsabilidade, principalmente, na área da pediatria. A médica do Centro de Saúde que infelizmente viu o Manel deve ter tirado o curso de Medicina porque os paizinhos lhe disseram que era muito importante ser médico. Dá status, sabes? Marram, marram e marram no liceu para entrar na faculdade com médias acima dos 18 valores para depois serem UMA NÓDOA E UNS TRASTES na sua profissão. Se eu errar na minha profissão estou certamente a destruir o património não estou a pôr em causa a saúde e a vida de um ser humano. Não posso ficar indiferente quando leio este tipo de histórias pois lembro-me logo da forma como o meu pai foi tratado por médicos e enfermeiros nos últimos dias de vida dele. Para além do desprezo que recebeu destes profissionais no hospital Amadora-Sintra nunca me esquecerei da médica que se recusou a atendê-lo no Centro de Saúde da Venda Nova (Amadora) porque a minha irmã e o meu pai (que não conseguia andar) chegaram atrasados à consulta...

As melhoras para o Manel. Com 77 cm e 10kg está óptimo. Qual gordo? Gordo é o cérebro da médica!

Tanita disse...

Cuca,
tens toda a razão. Eles não podem errar, afinal é a vida de pessoas que está em risco e neste caso foi o meu filho. E se fosse uma coisa mais grave? era por estar gordo querem ver?
Bj**

AVOGI disse...

isso é que acontece vezes sem conta nos hospitais
kis :=(

HORIZONTE disse...

Pois é , depois quando há problemas ninguém é responsável.
As melhoras do seu bébé.

Eu disse...

Primeiro, as melhoras para o teu rebento...
Segundo, apanha-se com cada uma! Eu também tenho vivido espisódios de bradar aos céus (no público e no privado) mas esta é demais!
E também sou como tu, com a minha filhota ninguém brinca!!!