novembro 04, 2011

Paciência, dá para comprar? Onde?

O meu filho sempre foi, até há umas duas semanas atrás, um menino muito bem comportado.
Nunca o nosso pequeno principe tinha feito uma birra num restaurante ou se portado mal à mesa(no dia 1 na Trindade comemos à pressa porque ele não parou de puxar a toalha, revirar-se na cabeira e gritar olá a plenos pulmões às outra pessoas nas mesas). Agora está impossível de aturar, e sempre à hora do jantar (só por ter rimado deveria danhar um saquinho de apciência).
Chegamos a casa e ele anda bem disposto a brincar, para trás e para a frente. Mas depois do banho transforma-se. O pequeno princípe encarna a personagem de Dennis o Pimentinha e é um não querer sair da banheira, atira tudo o que é bonecada e bolas para fora e chapinha até ficar quase sem água. Ponho-lhe o creme e ele chora, visto-lhe e dá gritos e quase não lhe consigo calçar as pantufas.
Já pensei em não lhe dar banho, não seja o efeito da água, ou será dos detergente que uso?






Depois de lhe vestir o pijama e afins e logo que vai para o chão, parece um macaquinho.



Acho que a água lhe dá energia e são saltos, brinquedos espalhados, legos a fazer plim plim a toda a hora e cambalhotas no sofá...
Mas o pior, o pior mesmo é quando o sentamos na cadeira para comer.

Levanta-se, tira ou tenta babete (agora comprei daqueles tipo camisa de forças que apertam atrás e têm mangas, ai como fica furioso por não o conseguir tirar) , sobe para cima do tabuleiro da cadeira e cospe a sopa.


Não lhe dar jantar também é uma solução, poupo tempo e dinheiro.






Ontem não quis a sopa. Fechava a boca e dizia que não com a cabeça.



Come sempre a sopa por volta das 19.30h e só depois o 2º prato connosco à mesa, fui mais teimosa que ele. Não quis a sopa, não levou mais nada. Quando nos sentámos todos à mesa, chorou, berrou que queria pão, queijo e a nossa sopa (leia-se dos nossos pratos porque era igaulinha à dele) não levou nada.



Depois deixou-se vencer e comeu a sopa dele toda, porque viu que não tinha sorte. Ainda comeu peixe+legumes e melão.



Depois do jantar acabar para ele, quis sair da cadeira. Foi para o quarto brincar e por lá ficou.


Voltou a vestir o papel de principe e de vez em quando vinha à sala espreitar e pedir mais um bocadinho de pão ou água.



Por vezes dá-me vontade de rir com a cara de trafulha que faz.

Juntámo-nos a ele e rebolámos no chão, atirámos bolas uns aos outros, fizemos cócegas e rimos muito. Acabámos de esgotar as nossas energias.




Tem um ar malandro e adora esconder-se tipo gato com rabo de fora. Adoro o sorriso traquina que faz quando fingimos que o encontramos.



Depois chega a hora de acalmar, as luzes começam a apagar e o ritual de sempre.



Colinho, biberão com ele, "já tá" e caminha. Depois dorme que nem um anjo, toda a santa noite até o acordarmos de manhã.






Mas a minha paciência para o aturar até ao pós-jantar? ontem estava desesperada, contei até 100, fiz cara séria e disse mil vezes "queres sopa? então senta-te", "queres sopa? então senta-te", "queres sopa? então senta-te", "queres sopa? então senta-te", "queres sopa? então senta-te", "queres sopa? então senta-te", "queres sopa? então senta-te", "queres sopa? então senta-te", "queres sopa? então senta-te", "queres sopa? então senta-te", "queres sopa? então senta-te", "queres sopa? então senta-te", "queres sopa? então senta-te", "queres sopa? então senta-te", "queres sopa? então senta-te", "queres sopa? então senta-te", "queres sopa? então senta-te", "queres sopa? então senta-te", "queres sopa? então senta-te", "queres sopa? então senta-te", "queres sopa? então senta-te", v"queres sopa? então senta-te", "queres sopa? então senta-te",
nota: todas as imagens DAQUI

32 comentários:

Tânia (Mamã do Santiago) disse...

É na parte das regras que ele se transforma..é para ver os vossos limites :)

Naná disse...

Bem, depois disto só te posso dizer que o Manel deu início à fase dos testes aos papás, a ver até onde é que a corda estica!

Tanita disse...

Tânia,
é mesmo isso, ele está a testar-nos e depois chora, como se o estivessemos a dar uma tareia.
Ontem tive de respirar fundo 1000 vezes. Ainda tão pequeno e já com manhas.

Tanita disse...

Naná,
como é que aquela coisa mínima já sabe fazer essas coisas?

Anita disse...

eles são muita espertos e cheios de manhas. a minha também lhe dá para fazer isso, nao quer a sopa por nada , chora, como se lhe estivessem a bater e depois vem pedir "comer" à mesa. mas nunca lhe consigo dar-lhe a sopa dela, pois ela quando diz não, nao vale a pena, ja tentei de tudo, mas nao come mesmo...e preciso mesmo muita paciencia, enfim, mãe sofre.
beijo

Rita G. disse...

o teu Manel está a sair da casca:) hehe! Respira fundo, muita paciência e sentido de humor, é isso que é preciso:) bj e bm fds!

Andreia disse...

Oh minha querida, eu não sei porque não sou mãe mas deve ser normal. Ele deve estar a por-vos à prova e tb é uma criança.
Se eu encontrar doses de paciência eu compro-te em doses industriais, ok?
Beijinho mt grd

AVOGI disse...

regras sao sempre difíceis de cumprir seja criança ou adulto
kis :=)

Tanita disse...

Anita,
O meu come tudo mas, antes de começar a comer faz fitas.
Bj**

Tanita disse...

Rita G,
Acho que está a sair da casca cedo demais :)

Tanita disse...

Avogi,
você saber melhor que eu de certeza...
Bj**

Isabel disse...

Eu também estou a precisr de comprar uns saquinhos de paciência (especialmente no que diz respeito a sentá-lo na cadeira da papa)...vida (boa) de mãe... beijocas

Tanita disse...

Isabel,
ainda bem que me compreendes.
Bj**

AD disse...

Ai amiga, ri-me tanto a ler as traquinices do Manel. Estou cheia de saudades! Difícil deve ser mesmo não rir e impor respeito. Como diz a Celeste, "devemos sempre andar com um saco de paciência às costas". Mas acho que à noite, é melhor precaveres-te com 2! beijocas

Tanita disse...

AD,
amiga espera até a tua Eva ter esta idade. Lembras-te bem como ele é, ou era. Mas agora está terivel. Amanhã já vai poder ver, desvia aí tudo em casa!
Bj** e até amanhã

Dear Daisy disse...

Bem...que filme!!
Boa sorte :)

Adorei as imagens.
Beijinho

Tanita disse...

Dear Daisy,
E é filme de acção, comédia, drama e paciencia :)
Bj**

Anónimo disse...

Experimenta dar-lhe banho com água fria...


;) Tava a brincar...


Mas já agora...

mllissa disse...

Ahahahhaha, gostei da parte das mil vezes "queres sopa, então senta-te", ahahah, é mesmo assim. Teimosos que só eles, a ver quem desiste primeiro. Outro dia tive um episódio parecido em que decidiram juntar-se os dois e fazer birra que não gostavam do jantar. Imagine-se...só sairam da mesa quando acabaram. Venci! Mas foi uma grande luta, não sei o que lhes deu nesse dia...

Mammy disse...

Pois é, esta fase é terrível! Tens mesmo que manter a cabeça fria e impores os limites. É o que ele está a pedir com as birras... As crianças precisam que lhes definam até onde podem ir, por isso têm esta fase assustadora para os pais. Os limites que lhe impuseres vão dar-lhe segurança. É muito importante a tua paciência e cabeça fria!
Pelo que já conheço de ti, tenho a certeza que vais dar bem conta do recado!
Respira fundo! :)
Beijinhos e um óptimo fim de semana

Mafalda S. disse...

Desculpa, mas tive de me rir, pois a forma como contaste o que se passou teve imensa piada.

A minha opinão é que deves manter firme e não ceder. Quando a Letícia passou por essa fase eu dizia-lhe, "que chatice, não queres comer nada e assim não vais poder ver os desenhos animados!" É claro que não deixava mesmo ver e acabava por resultar. Às vezes, nós pais, temos de ter uma criatividade e pêras!

Beijinhos e boa sorte... há-de passar-lhe rápido.

Paula disse...

Caramba, até me cansei ao ler! Imagino com vocês, que passam realmente por essas aventuras todas!
Mas sempre ouvi dizer, que quando eles crescem as mães sentem saudades destes tempo. Pensa assim eheheh!
Respondendo à tua pergunta, as coisas do meu livro não se passaram comigo. São coisinhas imaginadas aqui pela minha cabecita!
Claro que um apontamento ou outro vem de gostos ou experiências minhas, mas aquela cena do "engasgamento" não, felizmente!
Ainda bem que gostaste e bom fim de semana!

Nokas disse...

Respira fundo...e aguenta :)

Corina de Oliveira disse...

Uma vénia para paciência de santa!

Desejo que tenhas um excelente fim-de-semana :}
Beijinhos ***

S* disse...

Lamento muito, tens de tentar ser rígida com ele, nesta fase. São fases, claro, ele começa a achar que tem poder e abusa...

Ni! disse...

Estiveste em minha casa!?!?!?!?!?

Partilhas !!! disse...

Welcome...

respira fundo, conta até 3 e sorri :)

Eu tenho de multiplicar por dois ;)

e no fim eles são sempre o melhor do mundo...

beijocas sj

cuca disse...

O meu é exactamente o mesmo e gabo-te a paciência porque deixo o david andar descalço e só consigo dar-lhe duas colheres de sopa. Babete? Um horror odiava-o até eu começar a sentar-me à mesa também com um babete à volta do pescoço para ver se o convencia e consegui. Com este truque, o david voltou a usar o babete sem problemas. Quanto às pantufas e às meias, ainda não arranjei nenhum truque para o convencer a usá-las porque ele tira sempre as meias e as pantufas todo irritado. E lá vai ele descalço todo contente... ;)

Art And Life disse...

Vou ser muito sincera, não percebo nada de crianças, e eu acho que deves ter uma paciência infinita, também calculo que deves ficar exausta mas como contas a coisa dá imensa vontade de rir. Sorry!

Tanita disse...

mlissa,
dois é dose.

Mammy,
tens razão, temos mesmo de lhes impor limites, parece contraditório mas isso é que lhe vai dar a segurança que necessitam. O meu está na fase de esticar a corda.

Mafalda S.,
Podes rir à vontade, eu própria por vezes tenho de me controlar, ou então ir rir onde ele não veja e voltar com cara de má.

Paula,
podes pegar nestas travessuras e escrever o teu livro nº2!

Nokas, Corina e S*,
Por vezes custa manter a paciencia, tenho de respirar fundo muitas vezes!

Ni,
estás a passar pelo mesmo?? ahhhhhh

Partilhas,
trancas os dois na cave para conseguires ter sossego?? não? como consegues?

Cuca,
Já pensei tambem em colocar um babete,, eu e o pai, e ter outros para caso tenhamos mais alguem a jantar lá em casa, é uma boa ideia, acho que vou pô-la em prática.

Art and life,
já vi que a experiencia ganha-se todos os dias. Não valem 1000 cursos teóricos, o melhor mesmo é a prática.

Bj** a todas.

D. disse...

Primeira vez que por cá passo e já deu para rir e dizer-te, acho que são todos assim. Também tenho 2 em casa que passaram por essa fase. A mais nova, que neste momento tem 5 anos, anda de novo numa fase parecida. Enfim... tiram-nos do sério mesmo.
Vou continuar na exploração do teu blog, que até agora, gostei.

Marisa disse...

Ai ai.... tenho um cá em casa que é igualzinho.... a hora do ajntar é um martirio.... acho que eles têm um relógiozinho.. tipo despertador.. para nos atormentarem....
Mas são a nossa vida :)