janeiro 20, 2012

Gato Preto

Ontem e pela primeira vez em 13 anos a conduzir, atropelei um gatinho. Ia morrendo de susto. Eu vi-o. Ele hesitou em atravessar a estrada e eu travei, não muito porque vinha um estupor colado ao meu rabo leia do carro, serra Sintra, escuro e chão húmido, não poderia nunca fazer uma travagem brusca. Senti o carro passar-lhe por cima, mas quando parei, o bichinho não estava lá. Será que escapou? fiquei tão mal disposta e chorei, nem consegui jantar. O pior de tudo é que o meu filhote ficou aflito porque eu só dizia Ai o gatinho, ai o gatinho. Estou para aqui a sentir-me culpada.
Se há anjinhos que protegem as alminhas dos gatos, peçam-lhe o meu perdão caso tenha morrido.

É pá agora lembrei-me: e se matei um gato preto? dá azar?
Coitadinho... snif, snif.

18 comentários:

Choque disse...

É sempre frustrante atropelar qualquer ser vivo.
Mas não te sintas culpada, não tiveste culpa, não foi por maldade.
Espero que ele tenha fugido a tempo e aquilo que passas-te por cima tenha sido uma pedra e o gatinho esteja bem.
Beijinho

Naná disse...

Se te serve de consolo, ficas a saber que os gatos por norma, encandeiam-se com as luzes dos carros e em vez de fugirem do carro, têm tendência a ir contra ele...
Mas custa imenso atropelar um ser vivo... nunca mais me esqueci dum lagarto que esmaguei na estrada e aquele "poc" ficou-me gravado na memória...

Claudia disse...

Se calhar só lhe deste cabo de uma vida! Se não o viste ele deve ter fugido. E não te preocupes, o azar foi dele coitadinho. Ele sabe que não foi de propósito e já te perdoou de certeza. Beijinho

Claudia disse...

Oh coitadinho, nunca me aconteceu, mas para ti também deve ter sido terrível...

Anónimo disse...

Só à minha sogra ningém a atropela...

Só sedas disse...

:( Não te preocupes, escapou de certeza se nao estava lá...

Niki disse...

O meu gato (preto também) caiu da varanda (moro num 7º andar) e não ficou com um arranhão, o mais provavel é que esse também se tenha safado. não te sintas culpada, aconteceu, não tiveste culpa....

Beijinho

Tânia (Mamã do Santiago) disse...

Já me aconteceu o mesmo e tb com um gato preto...e nunca soube se morreu ou não :(

Porque um dia me perdi... disse...

é provavel que nao tenho morrido...se nao estava la. Tambem ja me aconteceu e chorei baba e ranho ...entao nao é que eu travei...ele fugiu e quando arranquei ele voltou a correr para o meio da estrada. Achgas que se estava a tentar suicidar?

Rita G. disse...

Já me aconteceu e fiquei a sentir-me super mal. Mas o facto é por vezes não há mesmo como travar a tempo! bj

Petra disse...

Ohh querida, as vezes há situações impossíveis de serem evitadas. Um grande beijo

estrela disse...

o que dá (essa palavra ao contrário de sorte)é o gato preto atravessar o teu caminho, passar à tua frente.....
neste caso ele não conseguiu...
sorry....
:( não fiques assim, acontece nestes casos não há muito a fazer!

Mammy disse...

Olá!
Ofereci-te este selinho:
http://sermaeetramado.blogspot.com/2012/01/kreativ-blogger-me.html
Bjs

Marisa disse...

Se te serve de algum consolo.... se quando saiste do carro ele não tava lá é porque não morreu, pode ter ficado magoado, mas não fizeste por mal. E o facto de ser preto é apenas um mito.... senão coitadinha de mim, com uma gata preta em casa, tinha toneladas de azar... e sinceramente nao me posso queixar.
Bjinho

Sofia disse...

Nunca me aconteceu, mas deve ser horrível. Por vezes, não temos mesmo culpa. Espero que ele tenha conseguido escapar. Não te sintas culpada.

Um bom fim-de-semana.

Beijinho.

cuca disse...

Dá azar fazer mal a um gato mas tu não lhe fizeste mal:atropelaste-o sem querer, não foi com intenção. (mudei pela terceira vez o nome do blog... está lá tudo explicado). ;)

Art And Life disse...

Espero que tenha ficado bem. Se me tivesse acontecido a mim ficava como tu, mal, mal, mal. Prefiro nem pensar.

mfc disse...

Eu também ficava doente!
Quanto a azares... nem penses nisso!!