março 28, 2012

As escolhas certas


Todos os dias somos postos à prova e obrigados a escolher um caminho. Acredito que para tudo existe um único fim, embora o percurso percorrido possa ser feito por estradas diferentes. Saber qual escolher depende unicamente de nós, mesmo que sejamos moldados por estímulos exteriores. Prevalecendo sempre a nossa escolha.  
A maior parte das vezes deixo-me levar pelo coração, noutras vezes a razão tem de ser mais forte do que isso. É aqui que reside o meu grande problema. Sou muito emotiva e faço tudo com paixão, por isso digam-me: como dizer ao (meu) coração para ficar um pouco "sogadito"?

17 comentários:

Isabel disse...

Fala com "ele"...ele acaba por ouvir e sossega...beijinhos

AD disse...

Amiga, infelizmente, ainda não encontrei a solução para esse pb...As vezes, o melhor é entregar tudo nas mãos de Deus...bjs

Naná disse...

Sabes o que eu te digo??
Diz lá ao instinto para mediar esse braço de ferro!
Comigo resulta, e se queres que te diga, o instinto quase sempre faz a voz do coração prevalecer...

Sofia disse...

Bem sei o que isso é, sou igual. Mas tenta ser forte e corajosa e agir racionalmente, ainda que te custe muito. Ignora o coração por momentos.

Beijinho*

Andreia disse...

Oh minha querida, este texto podia ser meu.
Sê forte!
Beijinho mt grande

Nokas disse...

Eventualmente ele acaba por perceber que às vezes é melhor seguir a razão...

A Minha Essência disse...

Não digas. Vive intensamente e sem medos! E segue, segue a tua intuição somente. ;)

Kiss

Mamã Petra disse...

Não te posso ajudar que não sei sossegar o meu, nem nunca consegui.

Beijinhos

Mammy disse...

Sabes o que digo ao meu filho antes dos jogos de basquetebol dele?
"Joga com o coração, diz à cabeça que quem manda agora é o coração!"
Acreditas que resulta? Que ele joga sempre melhor quando joga com o coração?

O nosso coração sabe o que faz, ele é o melhor dos conselheiros. É a paixão pelas coisas que nos faz superarmo-nos!
Podemos magoar-nos, mas isso faz parte da aprendizagem da vida. Podemos igualmente magoar-nos quando seguimos a nossa cabeça...

No fim, se deixarmos o coração mandar,ficamos sempre bem com connosco. E isso é o mais importante, não é?
Beijinhos

Escolhendo o sexo do meu bebe. disse...

Ai amiga , é tão dificil né...não posso ajudar muito mesmo porque somos muito parecidas rs...e ja percebeu que sofremos muito mais que os outros?? E nunca aprendemos..
bjkas de carinho adorei o seu post

mfc disse...

As nossas escolhas determinam o que somos!
Sou muito intuitivo... e não me tenho enganado muito.

Beijinhos.

Vecas disse...

Só mesmo o tempo para curar tudo, não podemos mudar, mas talvez nos moldar!!! Força

AvoGI disse...

geralmente escolhemos o caminho mais facil e que nao é o melhor o mais seguro, mas escolhemos por que sim, depois de encetarmos a caminhada nao se pode voltar atrás
kis :=)
kis .=)

Cacau disse...

Sou como tu, emotiva! E o coração costuma intrometer-se sempre nas minhas decisões! Ta,bém gostava de ter solução...

Beijinhos*

carla disse...

Na dúvida, nada como a intuição. Se, por vezes, a razão tem mesmo que prevalecer, outras é o coração que nos dá a resposta. Depois, há aquelas situações em que os dois têm pesos iguais e nada como a intuição para nos dar o caminho a seguir.

Um beijo e um dia bom

Art And Life disse...

Yoga?! Também tenho o mesmo problema se calhar vamos as duas para yoga a ver se funciona ;)
Bjinhos

Nelson Silva disse...

Adorei o teu Blogue, a sério !

Continua a postar, vou adorar ler-te ! :')


Sigo ^^