dezembro 20, 2012

Ontem foi dia de festinha de Natal

E eu não perdoo o meu marido, não perdoo mesmo.
A mania terrivel de pensar: "é a partir das 5h" e não, era às 5h, caramba!
Perdemos as duas músicas que cantaram e a entrada do Pai Natal :( fiquei tão triste por ver o meu filhote cabisbaixo, de olhar triste... partiu-me o coração.
O que vale é que os pais do melhor amigo disseram-nos logo assim que entrámos: "adoptámos o Manel, ficou ao colo do meu marido".
Se por um lado fiquei agradecida, por outro ainda mais triste me senti...
Mas rapidamente nos perdoo. Sorriu e fez as actividades connosco.

O coração das crianças tem destas coisas, são simples, não complicam. Basta um beijo, um abraço apertado e um pedido sincero de desculpas.

O tema deste ano lectivo é a reciclagem e por isso haviam várias mesas onte fizemos trabalho que ficaram exposto na árvore Natal gigante do colégio.




Só espero que ele nos perdoe mesmo e que não se lembre disso, só espero que tenha a capacidade para conseguir o que eu por enquanto não consigo.

Já agora, gostam do anjinho com bigodes?

9 comentários:

sandra disse...

Oh Tanita pareces eu a falar eu também sou assim dou muito valor a tudo que envolve o meu filho isso para mim também era motivo para ficar fula a pensar que o meu menino ficou triste que não estava lá depois olhava para a carinha dele ficava numa lástima mas olha eles têm uma capacidade linda e generosa de desculpar rápidamente uma pequenina falha nossa ,deixa lá o importante é que lá estiveram apenas chegaram um bocadinho mais tarde não te massacres com isso nem ao teu marido os homens simplificam aquilo que para nos é complicado adorei o bigodes super giro :)

Pretty in Pink disse...

Oh imagino, deve ter ficado aflito a pensar que os pais não apareciam, vá lá que rapidamente se recompôs :)
Já recebi o teu miminhooo, obrigadaaaa adoreii!!! =D=D=D Diz me só uma coisa (que me inscrevi em tudo e mais alguma coisa) és a minha amiga secreta do desafio da Anita ou do Polar Post Crossing?

Beijinhoo*

Ovelha Flor Guerreira disse...

Eu faço sempre o que posso para ir a todas as festas e actividades...entendo perfeitamente o que sentiste. Mas como tu dizes, o coração das crianças é simples e tudo perdoa. E não, ele não se vai lambrar! Descansa!

Arco Iris disse...

Tanita não se culpe....na cabecinha dele está tudo mais que resolvido.
Aproveito para lhe desejar um Santo e Feliz Natal, na companhia de todos que mais Ama.
Obrigada por visitar "Arco Íris" e deixar lá um miminho.
Beijinhos e um Bom Pai Natal para o filhote.

Naná disse...

olha que fique de lição ao teu marido...

e tenho a certeza que fazes tantas mais coisas que ele de certeza vai recordar mais vividamente do que esse pequeno atraso!

Mas sim, custa-nos!

A Minha Essência disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
A Minha Essência disse...

Entendo. Ver os nossos filhos tristes e quando somos nós, pais que causamos tal estado é de dilacerar qualquer alma. Mas também, ainda é pequenino e esquece depressa. Apesar dos adultos terem outra percepção, claro. Mas o importante, é que tudo acabou a bem. :)

Miú Segunda disse...

Não pense nisso, Tanita. As crianças têm um coração enorme - e muito mais descomplicado do que o dos adultos. Por isso os amamos tanto, não é?
PS - O anjunho com bigodaça está engraçadíssimo!

Rita G. disse...

Ele é pequenito, não se vai lembrar disso. Mas claro que depois nós ficamos sempre a remoer no assunto, sou tal e qual.bj e Feliz Natal!!