outubro 10, 2014

Mãe e euromilhões - parte #2

Vou jogar no euromilhões. Pela terceira vez seguida. Ando cheia de fé, é isso.
Se não receber um prémio assim tão grande como cento e não sei quantos milhões que me permitiria trabalhar para o bronze o resto da Vida, queria receber a que me permitisse mudar de vida. Radicalmente. Assim, agarrar nos putos e mudar de cidade, de profissão. Por isso, estas férias sonhei que comprava este hotel encerrado e transformava-o num cheio de charme, com a mesma traça mas cheio de pormenores modernos por dentro, ali onde tudo parece mais calmo e as horas passam mais devagar, mesmo no Verão.


Um dia ganho coragem e ligo, pode ser que até não seja assim tão caro. Quem sabe?

Enquanto isso, vou ali continuar a sonhar ok?


5 comentários:

disse...

Pelo sim pelo não, também vou jogar! Podíamos até ser sócias ;)

Urban Cat disse...

...eu cá não tenho carteira para isso, só mesmo com o Euromilhões. Mas sim, é tão giro que dá vontade de fazer dele um projecto de vida.

Mona Lisa disse...

Continuo a sonhar com um bocadinho do euromilhões...o suficiente para ajudar a minha filha e neto e poder sair daqui e ir para mais pertinho dela.

Quem não arrisca , não petisca.

Beijinhos.

Arco Íris disse...

Pode ser que o sonho se torne realidade....se assim for , eu serei de certeza cliente desse lindo hotel e, talvez tenha direito a um desconto.
Bjs
Bom fim de semana

r disse...

Isto é em V R S António?